Olá pessoal, no post de hoje vou compartilhar com vocês como a terapia holística me auxiliou em um momento muito importante da minha vida.

Tudo começou com uma dor muito intensa no baixo ventre. Tão intensa que achei que fosse desmaiar. Naquele momento não tinha com quem contar. Meu marido estava do outro lado da cidade há mais de uma hora de distância, meus pais e meu irmão em outra cidade, e não quis incomodar colegas e amigos. Mesmo com muita dificuldade consegui tomar um analgésico. Felizmente depois de um tempo a dor foi amenizando até passar.

Era um período em que eu já vinha fazendo psicoterapia e terapia com florais de Bach e minha terapeuta aconselhou-me a ir ao ginecologista. Aceitei o conselho.

Na consulta como é de praxe a médica me solicitou alguns exames.

Exames prontos…

E para minha surpresa fui diagnosticada com endometriose. (Não fazia ideia o que era essa doença).

A partir daí comecei a pesquisar o que era e o que seus riscos e consequências poderiam acarretar à minha saúde. E uma das descobertas que me deixou mais assustada era a probabilidade da diminuição de engravidar. Apesar de não estar planejando naquele momento, queria ser mãe. Outro fato também, é que soube ser uma doença que dizem não ter cura na medicina tradicional, e que quanto mais o tempo vai  passando,  pode piorar se nada for feito.

Consultei vários especialistas, alguns mais positivos e outros um pouco mais pessimistas…Enfim, provavelmente teria que passar por uma cirurgia, ou um tratamento muito agressivo, o que poderia diminuir ainda mais minhas chances de ser mãe.

A partir daí eu e meu marido paramos de nos prevenir, já que não tínhamos nada a perder. Sem ficar com paranoia. Só deixamos “rolar”.

No último especialista que consultei, este solicitou uma bateria de exames mais detalhados, para verificar a extensão da endometriose. Constatou-se que havia alguns focos na parede do intestino, o que não era nada bom, pois sempre tive problemas de congestão intestinal e fiquei com medo de acontecer algo sério. Outra constatação foi a de ter apenas 50% de chances de engravidar, pois um ovário estava comprometido e mesmo assim só conseguiria caso minhas trompas não estivessem obstruídas, e se estas estivessem, só conseguiria com inseminação artificial. Caso engravidasse antes da cirurgia, meu organismo poderia expulsar achando que era algo a ser combatido. Isto tudo na visão deste médico. Então a recomendação dele era que teria que fazer a cirurgia o quanto antes. Resumindo: ele me apavorou. Com este diagnóstico acabei deixando de lado a possibilidade de engravidar, pois, pelo relato do médico minha situação era bem delicada.

Porém sempre tive uma convicção muito intensa (intuição), que seria mãe de qualquer jeito, que era uma de minhas missões nessa vida. E não seria isso que iria me impedir. (Ah!! Um detalhe importante: a gravidez é um dos tratamentos da endometriose, e em muitos casos depois que a mulher engravida não volta a ter mais o problema, ou seja tem cura!!!)

Neste meio tempo meu marido foi promovido e iríamos mudar para o interior.  Ah!!! morava em São Paulo!!.

Comecei a me preparar simultaneamente para a mudança e para fazer a cirurgia.

Mas algo dentro de mim falava para procurar também outra forma de tratamento. Já que estava me formando para ser terapeuta holística, por que não procurar uma forma natural de cura paralelamente?

Primeiro procurei meu tio que é terapeuta e pedi uma orientação de tratamento. Ele me passou alguns florais quânticos, e logo comecei a tomar. Também comecei a me aplicar Reiki todos os dias e fazia meditação de cura, além de começar a pesquisar as causas emocionais da endometriose (metafísica) para entender o que a desencadeou e a trabalhá-las dentro de mim. Fiquei impressionada com o que li sobre as causas emocionais, e como se encaixavam com o meu momento!

Bom já estava tomando os quânticos, fazendo o reiki, e mesmo assim esperando a liberação do plano médico para a cirurgia. Estava bem tranquila e segura que tudo daria certo.

Foi quando, um dia em casa,  já sem nada no apartamento pois iria mudar dali  a dois dias, comecei a assistir uns conteúdos de uma Revista Quântica que acompanho, e descobri um terapeuta holístico, falando sobre problemas ginecológicos, e dentre eles da endometriose. Este terapeuta explicou sobre vários casos de sucesso que foram trabalhados através do tratamento natural, não necessitando de intervenção cirúrgica.

Na mesma hora liguei para ele para marcar uma consulta. Consegui para o dia seguinte.

Já no consultório, ele fez minha avaliação iridológica e me receitou um tratamento que incluía uma reeducação alimentar, remédios quânticos e mais alguns produtos naturais. Marcou meu retorno para depois de três meses, e que desse um voto de confiança ao tratamento, antes de partir para uma cirurgia.

Saí de lá super confiante, e certa do que estava fazendo, afinal estava prestes a tornar-me terapeuta também e confiava muito neste tratamento.

Depois desta consulta definitivamente deixei a cirurgia de lado e confiei completamente no tratamento natural.

No dia seguinte estava de mudança para Ribeirão Preto, e com a mala cheia de esperanças.

Naquele fim de semana (da mudança), era o período que deveria menstruar, mas com a mudança nem estava me lembrando. Só fui me dar conta uns dois dias depois da falta dela. Achei estranho, pois minha menstruação estava regulada. Mas achei que poderia ser normal o atraso.

Passaram-se mais alguns dias e comecei a achar que poderia estar grávida. Minha intuição dizia isso, mas tive receio de acreditar e me decepcionar caso não tivesse.

Foi então que depois de doze dias de atraso fui fazer o teste de farmácia. E lá estavam os dois lindos risquinhos !!!!A sensação foi indescritível!!!!Estava mesmo grávida!!! Que felicidade!!! Ainda mais com o que estava programado há uns dias atrás para acontecer. Não há como eu tentar explicar o que senti naquele instante. Posso dizer apenas que senti uma gratidão muito grande, e neste momento tive três certezas: a primeira, a convicção de que ter mudado minha trajetória profissional tinha sido a melhor escolha que havia feito. A segunda, que quando realmente acreditamos e, mais que isso, com o autoconhecimento, passamos a ter  consciência  que as doenças são apenas sinais de alerta sobre o que estamos fazendo com nossa vida e que sempre há esperança, apesar das evidências.E por último, o universo conspira a nossa favor, se não tivesse feito a opção pelo tratamento natural, com a cirurgia colocaria em risco a gravidez em curso ou até poderia perdê-la sem que se desse conta.

Hoje meu trabalho como iridologista, terapeuta holística e coach é poder ajudar pessoas.  Ajudá-las a ter um autoconhecimento e consciência que as doenças que elas venham a ter, não é um mal, é um sinal de alerta que algo está errado, mental, emocional ou espiritualmente e que isso se reflete no corpo uma hora ou outra, mas há esperança.

E hoje é gratificante pessoal e profissionalmente ver meus clientes progredindo e saber que estou cumprindo com a minha missão.

Responder

  1. Marisa

    Você é maravilhosa..ter acreditado e seguir..

    Parabéns

    Nada como se encontrar.

    Beijos e muita saúde pra vocês

  2. Adriana

    Olá gostaria de entrar em contato com você, pois estou passando pela mesma situação de endometriose e ainda não consegui engravidar.